Como seria "Guardians of the Galaxy" sem James Gunn?

O diretor da saga da Marvel comentou que quase negou dirigir o filme

Um guaxinim que fala? Onde estão as capas, os trajes, os corpos esculturais? James Gunn deve ter se perguntado quando a Marvel o convocou para dirigir "Guardians of the Galaxy". O diretor comentou durante um evento e confessou que a princípio a proposta pareceu uma péssima ideia. Acredita?

"Quando ouvi falar de 'Guardians of the Galaxy' era algo que francamente não me pareceu uma boa ideia. Pensei que era um guaxinim falante, com uma série de personagens esquisitos, pensei que era muito estranho", explicou Gunn. Segundo suas palavras, era a primeira vez que escutava sobre estes personagens e não entendia como funcionavam no universo marveliano.

No entanto, alguma coisa lhe atraiu: "Eu levei um momento para pensar: Se existisse um guaxinim que fala como seria? Qual aspecto poderia ter?". Por sorte teve esse momento de lucidez! A franquia quebrou a bilheteria mundial e os guardiões se encontrarão em breve com os Vingadores em "Avengers: Infinity War".

Gunn também falou de "Guardians of the Galaxy Vol. 3": "Estou escrevendo 'Guardians of the Galaxy Vol. 3' e terminei o primeiro rascunho ontem. Estou entusiasmado com isso e me sinto muito bem a respeito". O diretor disse há algumas semanas que esta nova sequência pretende fechar a história dos Guardiões, mas isso não quer dizer que a franquia termine.
por TNT