Cuarón diz não ao spin-off de Harry Potter

O vencedor do Oscar disse que quer dar um tempo dos filmes com efeitos especiais

Com o boato surgido na semana passada de que a Warner Bros. Pictures estaria pensando em Alfonso Cuarón para a direção de "Fantastic Beasts and Where to Find Them", spin-off da saga de sucesso Harry Potter, o diretor resolveu se pronunciar a respeito dizendo que atualmente não está interessado neste tipo de projeto. Em entrevista à imprensa, o cineasta mexicano disse que tem outros interesses cinematográficos no momento.

"Tenho muito carinho por este universo e admiro profundamente o trabalho de J.K. Rowling, mas no momento não me atraem projetos com efeitos especiais. Acabo de sair de um processo de cinco anos que usava muitos efeitos e quero dar um tempo nisto", comentou o diretor à agência de notícias EFE. Em seguida, acrescentou que seus planos agora seriam "levar meus filhos ao colégio e planejar algo o que fazer com eles no verão. Agora que estou de volta à vida estou sem nenhum tipo de projeto".

Com data de estreia marcada para 18 de novembro de 2016, o filme não será uma sequência ou um prelúdio da história que vimos até agora sobre o mago. A trama ocorrerá em Nova York, sete décadas antes de famoso garoto de óculos e cicatriz na testa entrar em cena. No centro da história teremos Newt Scamander, autor fictício do livro usado pelo mago, interpretado por Daniel Radcliffe, e por seus amigos de Hogwarts, e também as estranhas criaturas que habitam as terras.   

Dado TNT: Alfonso Cuarón também está sendo sondado para o prelúdio de "O Iluminado" (The Shining).
por Alejandro Cusa