Fabricando um prêmio

Como é feita a estatueta do troféu mais importante da industria cinematográfica

Criada em 1928, a estatueta dourada do Oscar nasceu com o design de Cedric Gibbons, o diretor artístico da MGM (Metro Goldwyn Meyer), e foi o artista George Stanley quem esculpiu a original sobre o qual atualmente se realiza o molde. Mas, o que simboliza esse homem de ouro? Em cerca de 34 centímetros de altura e quase 4 quilos, o elemento mais importante da noite do Oscar simboliza tudo o que a Academia valoriza na industria do cinema.

O desenho da figura dourada representa um cavalheiro forte, de queixo angular e amplos peitorais, armado com uma espada. Olhando mais de perto, vemos que ele espera em pé sobre um rolo de filme com cinco furos ou raios. Cada um deles simboliza as cinco ramificações originais da sétima arte: atores, roteiristas, diretores, produtores e técnicos.

Todos os anos, desde 1982, a fábrica R. S. Owens de Chicago produzem entre 50 e 60 estatuetas para noite do Oscar. A fabricação foi mudando com o tempo. Nas suas origens, a estatueta era de bronze maciço banhado em ouro. Hoje se trabalha com uma liga de estanho que é derramado em um molde que respeita as mesmas características da escultura de 1928. Quando esfria começa um árduo e artesanal processo de polimento. Então a figura é mergulhada, a mão, e individualmente em diferentes tintas para dar um banho de cobre fundido, níquel, prata e ouro 24 quilates. É necessário umas 20 horas de trabalho preciso e delicado antes que o troféu esteja pronto. Sua fabricação demora entre 3 e 4 semanas.

Uma vez terminado, ele é colado a base. Cada prêmio é numerado e é guardado em uma caixa especial para protege-lo. Mas falta o último detalhe, talvez o mais importante: a placa com o nome de cada um dos premiados. Falta pouquíssimo tempo, o mistério será revelado no próximo 22 de fevereiro as 20:30 hs, pelo TNT.

Dado TNT: Desde o primeiro banquete da entrega de prêmios  em 16 de maio de 1929, em Hollywood Roosevelt Hotel, já foram apresentados 2.947 prêmios .
por TNT
Tags oscars