Hollywood chora a morte de Shirley Temple, sua menina de ouro

A atriz faleceu nesta segunda aos 85 anos

Nesta noite de segunda-feira, Hollywood deu adeus a Shirley Temple, uma das suas eternas meninas de ouro. A atriz faleceu aos 85 anos por causas naturais em sua residência de Woodside, Califórnia, deixando um vazio no mundo do cinema, que ficou comovido com a partida de uma de suas maiores estrelas; assim como Peter O'Toole e Joan Fontaine.

A representante da atriz, Cheryl Kagan, disse que a eterna garota dos cachinhos mais famosos da época da Grande Depressão morreu em sua casa cercada por seus familiares e amigos. "Fizemos uma homenagem por sua vida repleta de conquistas como atriz, diplomática, e, principalmente, como mãe, avó, bisavó e esposa adorada", escreveu num comunicado à imprensa. 

A atriz estreou no cinema em 1932 com apenas três anos. Já em 1935 conquistou o Prêmio Juvenil da Academia, tornando-se a artista mais jovem a receber esta honra. Entre seus filmes mais importantes estão: "Bright eyes", "The Little Colonel", "The Blue Bird", "Fort Apache", "Curly Top"  e "The Littlest Rebel" – comenta-se que estes dois últimos salvaram o 20th Century Fox da falência. 
por Alejandro Cusa