Mark Hamill escreve uma carta de despedida emocionado para Carrie Fisher

O ator disse que sua vida teria sido sem graça se não a tivesse conhecido

Semana passada o mundo e a galáxia tiveram que dar adeus à Carrie Fisher, nossa querida Princesa Leia. Impossível se recuperar de um golpe tão duro e repentino, que começou com um ataque no coração durante um voo e terminou levando nossa querida atriz ao óbito no dia 27 de dezembro. Foram inúmeras homenagens dos seus fãs, familiares, colegas de profissão e amigos. Uma das mais emocionantes foi o de Mark Hamill – o Luke Skywalker na saga de "Star Wars"– que escreveu uma bela carta para a atriz.

Através do The Hollywood Reporter, o ator não poupou elogios a esta grande mulher "comprometida com a diversão e a alegria de viver. "Minha vida teria sido mais dramática e menos interessante se não a tivesse conhecido", disse o ator no texto publicado, destacando ainda que "ao longo dos anos passamos por várias coisas, nos amamos e nos odiamos. Éramos como uma família".

Hamill, que estava realmente abatido com a notícia da morte, também fez questão de lembrar como Fisher era especial: "Se ela fosse com a sua cara, era a pessoa mais divertida do planeta. Era capaz de te fazer sentir a coisa mais importante da vida". "Depois costumava dar um giro de 180°, e então a gente brigava e ficava semanas sem se falar. Assim são as relações realmente verdadeiras".

Os dois se conheceram pouco antes de começarem as filmagens de "Star Wars" em 1977. Ele tinha 24 anos e ela apenas 19. Ao vê-la, pensou: "Meu Deus, vou trabalhar com uma garota do ensino médio". No entanto, depois de trocaram algumas palavras, ele ficou rendido pela simpatia, graça e franqueza da jovem atriz. Segundo ele, logo você sentia que estava conversando com alguém que conhecia a mais de dez anos. Assim nasceu a amizade entre eles. O ator californiano adorava quando ela gargalhava: "fazê-la rir era como conquistar uma medalha de honra", disse.
por Alejandro Cusa

PUBLICIDADE