Os 6 grandes discursos da noite do Oscar®

Subir ao palco do Kodak Theater exige emoção, responsabilidade e valor, e eles tiveram!

Foram 90 e já estamos ansiosos para o 91! A maravilhosa noite de premiação do Oscar® teve de tudo. Desde desejos cumpridos até surpresas emocionantes. A cerimônia da Academia sempre dá muito que falar e deixa mensagens uma nova agenda para Hollywood.

Esses são os 6 grandes discursos da noite do Oscar® de ganhadores que souberam fazer um bom uso do tempo no palco para inspirar, transmitir amor e colocar todos em pé.

#1 Frances McDormand levou uma estatueta pela segunda vez graças ao seu papel em "Three Billboards Outside Ebbing, Missouri". Suas palavras colocaram o debate sobre a mesa quando afirmou: "Olhem ao redor, olhem ao redor... Todas temos histórias para contar e projetos que precisam ser financiados. Tenho três palavras para vocês, senhoras e senhores: cláusula de inclusão", referindo-se a uma cláusula que exige diversidade nos elencos e equipes.

#2 Era quase um segredo para vocês. Gary Oldman recebeu seu primeiro Oscar® depois de interpretar Winston Churchill em "The Darkest Hour". Jane Fonda entregou o prêmio e Oldman se emocionou lembrando de sua mãe: "Gostaria de agradecer a minha mãe, que é maior que o Oscar®, ela vai fazer 99 anos e está vendo a cerimônia na comodidade do seu sofá. Quero agradecê-la por seu amor e seu apoio, e esquente mais água para o chá. Levarei um Oscar®".

#3 Sam Rockwell recebeu um merecido reconhecimento por seu papel em "Three Billboards Outside Ebbing, Missouri" e, além de um pouco de humor, lembrou seu amigo Philip Seymour Hoffman. Aproveitou também o momento para agradecer a seus pais: "O amor da minha mãe e do meu pai pelos filmes se tornou o meu amor por filmes, por isso obrigado mamãe e papai".

#4 Com o triunfo de Guillermo del Toro, o México tem três grandes diretores premiados pela Academia de Artes e Ciências. O sucesso de "The Shape of Water" o levou ao palco. Depois de lembrar de sua condição de imigrante, del Toro disse em seu discurso: "Acho que o melhor da nossa indústria é que apaga as linhas na arena. Deveríamos continuar fazendo isso enquanto o mundo tenta torná-las mais profundas", se referindo às políticas que impulsiona o governo de Trump.

#5 Jordan Peele nunca pensou que seria possível. Com "Get Out" quebrou uma regra não escrita da Academia sobre os filmes que exploram o gênero do terror. O roteiro criado por Peele se tornou o melhor da noite e feliz no palco, o ator, diretor e escritor comentou o difícil processo de criação dessa história: "Deixei de escrever esse filme umas 20 vezes porque pensei que era impossível (...). Mas continuei voltando para ele, porque eu sabia que se alguém me deixasse fazer esse filme, as pessoas o escutariam e o veriam".

#6 "Coco", ganhador do Oscar® de "Melhor Animação", nos fez chorar, lembrar e cantar de sua estreia. Seu diretor, Lee Unkrich, comemorou com um discurso significativo no qual ele agradeceu ao México: "Coco não existiria sem sua cultura e tradições infinitamente lindas (...). Com Coco, tentamos dar um passo a frente a um mundo onde todas as crianças possam crescer vendo personagens de filmes que se parecem, conversam e vivem como elas. As pessoas marginalizadas merecem se sentir representadas. A representação é importante".




por TNT
Tags oscar®