"Resident Evil" volta às raízes

O reboot da franquia tenta retornar aos temas preferidos dos fãs

"Resident Evil" nasceu em consoles e teve uma passagem para as telonas. Protagonizado por Milla Jovovich, os filmes se situam em um mundo distópico onde um vírus transforma as pessoas em zumbis. A franquia lançou seis filmes entre 2002 e 2016. O tempo passou e é hora de dar novos ares para a história que ainda tem muito para contar.

Em uma entrevista com Discussing Film, Greg Russo, roteirista que trabalha no reboot, falou sobre as mudanças que querem abordar junto a James Wan, produtor do futuro filme. "A franquia deve ter o terror na frente e a ação como uma característica secundária. Por isso que, simplesmente, então fazia sentido voltar às raízes do terror", afirmou Russo.

Segundo aponta o roteirista, os filmes dirigidos por Paul Anderson foram muito divertidos, mas esqueceram algo que no videogame é essencial: o terror. Embora tenha tido muito sucesso, "Resident Evil" perdeu progressivamente a favor do público. Ainda não há clareza sobre o destino deste reboot, mas os seguidores certamente vão comemorar esta mudança de perspectiva na história.
por TNT