Vin Diesel resolveu fazer "Velozes e Furiosos 8" por causa de Paul Walker

Ele iria parar no sétimo filme, mas algo o incentivou a continuar

Todo mundo se lembra do acidente de carro que ocorreu no dia 30 de novembro de 2013 que custou a vida Paul Walker. A morte do ator, que naquele momento participava das filmagens de "Velozes e Furiosos 7" (Furious 7), deixou o mundo em choque. Com a sua ausência, todo mundo acreditou que a saga chegaria ao fim, e isto poderia ter acontecido se Vin Diesel não tivesse tomado a decisão de seguir em frente. Por que ele resolveu levar a saga adiante sem seu grande amigo de cena?

Em recente entrevista ao Total Film, Diesel comentou que pensou em abandonar a franquia "não somente pelo fato se não saber se o filme funcionaria sem ele, mas pela falta do amigo no set". No entanto, algo fez com que ele mudasse de ideia. "Assisti um vídeo dele garantindo que faríamos o oitavo filme e isto me derrubou", revelou o ator.

É assim que "Velozes e Furiosos 8" (The Fate of the Furious) se prepara para desembarcar nas telas dos cinemas no dia 14 de abril, sob a direção de F. Gary Gray. No elenco, além de Diesel, estão atores que prometem honrar a memória do ator, como Jordana Brewster, Nathalie Emmanuel, Michelle Rodriguez, Tyrese Gibson, Ludacris, Dwayne Johnson, Jason Statham, Kurt Russell, Scott Eastwood, Lucas Black, Elsa Pataky, Don Omar, Helen Mirren e a incrível Charlize Theron.
por Alejandro Cusa